domingo , dezembro 16 2018
Capa / Fatos / Como a mulher empreendedora pode separar vida pessoal da profissional.
Como a mulher empreendedora pode separar vida pessoal da profissional.

Como a mulher empreendedora pode separar vida pessoal da profissional.

mulher e trabalhoQuando falamos sobreempreendedores, essa mistura é levada a um outro patamar. Além de pensar em seu negócio todo o tempo, o empreendedor normalmente também tem sua vida financeira atrelada à empresa. No caso de empresas familiares, a situação é ainda mais acentuada, já que o relacionamento entre parentes também passa a fazer parte da equação.

No lado financeiro, a recomendação de praticamente todos os especialistas que conheço é: muito cuidado para não misturar as finanças pessoais com as da empresa.

Por mais que pareça mais prático simplesmente usar a conta da empresa para bancar despesas pessoais, isso é pedir para ter problemas contábeis mais pra frente, ainda mais se houver vários sócios. Nessas horas, um bom controle sobre como as finanças são alocadas é algo que vai te economizar muita dor de cabeça no futuro.

Outro ponto extremamente relevante nessa área é a definição sobre o quanto o empreendedor deve tirar no final do mês.
Um erro muito comum que vejo nessa área é quando o empreendedor não possui um salário fixo e simplesmente sai retirando seu salário de forma aleatória, dependendo de como ele acha que foi o resultado daquele mês. Desse jeito, não há planejamento financeiro pessoal que aguente.

Para evitar essa instabilidade, a dica é manter um salário fixo (pro-labore) independente do resultado da empresa, assim como qualquer outro profissional. Daí, de tempos em tempos (final de semestre ou de ano), você faz uma avaliação de como estará a situação da empresa pelos próximos meses e, caso esteja com uma boa reserva, aí não há problema algum retirar um pouco desse lucro.

Na questão da alocação de tempo, assim como na financeira, é muito mais fácil falar do que fazer, mas é fundamental manter a disciplina de ter horários específicos para trabalhar na empresa e horários de descanso.

Fora a importância de uma mente descansada para um trabalho mais produtivo, de nada adianta se matar de trabalhar e viver estressado e sem qualidade de vida. Particularmente, acredito muito que o trabalho é um meio para se buscar a felicidade, não o objetivo final.

Dentro desses horários de descanso, uma dificuldade que eu passo constantemente é a ansiedade em conferir sempre os e-mails. Para lidar com isso sem uma grande crise de abstinência, a solução foi criar uma categoria “Responder depois”. Se um e-mail é importante, mas não urgente, fica lá para ser respondido no outro dia e a ansiedade em saber o que está acontecendo fica controlada.

Fora checar e priorizar os e-mails, o horário de descanso é sagrado! Assim como a questão financeira, saber alocar tempo para a vida pessoal é essencial para manter a sanidade e qualidade de vida do empreendedor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*