terça-feira , novembro 13 2018
Capa / Comportamento

Comportamento

Nobel da Paz 2018 vai para ativistas que lutam contra violência sexual como arma de guerra

Nobel da Paz 2018 vai para ativistas que lutam contra violência sexual como arma de guerra

Médico Denis Mukwege tratou com sua equipe de cerca de 30 mil vítimas de violência sexual na República Democrática do Congo. Já a ativista Nadia Murad é sobrevivente da escravidão sexual imposta pelo Estado Islâmico no Iraque. A ex-escrava sexual do grupo extremista Estado Islâmico Nadia Murad e o médico ginecologista Denis Mukwege ganharam o Prêmio Nobel da Paz 2018 por seus esforços para acabar com o uso da violência sexual como arma de guerra e conflito armado. O anúncio dos vencedores foi feito na manhã desta sexta-feira (5), em Oslo, na Noruega. Denis Mukwege, de 63 anos, passou grande parte de sua vida adulta ajudando as vítimas de violência sexual na República Democrática do Congo, na África, e lutando por ... Leia Mais »

Eugenia: brasileiros que importam sêmen de brancos dos EUA viram notícia internacional

Parece a Alemanha nazista, mas é o Brasil de 2018: o Wall Street Journal traz nesta quinta-feira uma reportagem sobre como a procura por sêmen importado dos Estados Unidos explodiu em nosso país nos últimos anos, graças ao interesse de gente que deseja “branquear” os filhos e garantir que tenham olhos claros e aspecto europeu. Em outras palavras, eugenia. Hitler ficaria orgulhoso. “Com olhos claros, cabelos loiros e algumas sardas no rosto, o doador número 9601 é um dos mais requisitados por mulheres ricas do Brasil que estão importando o DNA de jovens norte-americanos em números sem precedentes”, diz a reportagem assinada por Samantha Pearson. Baseada em dados da Anvisa, a repórter afirma que a importação de esperma gringo subiu 3000% ... Leia Mais »

“Ideologia de gênero”?

“Ideologia de gênero”?

Depois de surgir com destaque em 2014 nos debates envolvendo a elaboração do Plano Nacional de Educação (PNE), o termo “gênero” voltou aos holofotes no Brasil. Políticos, pesquisadores, organizações da sociedade civil e cidadãos comuns têm se mobilizado para que o termo não conste nos novos planos municipais e estaduais de educação que devem ser votados até o fim do mês de junho. As razões para a preocupação, no entanto, ainda parecem desconhecidas de grande parte da opinião pública. Por que uma palavra aparentemente inofensiva passou a receber tanta resistência? Uma das maiores dificuldades para esclarecer o assunto está nos múltiplos significados que o termo “gênero” pode receber, inclusive dentro de um mesmo contexto. No senso comum gênero é apenas ... Leia Mais »

Oito gráficos que explicam a cultura das armas nos EUA

Oito gráficos que explicam a cultura das armas nos EUA

O pior ataque a tiros da história dos Estados Unidos levantou novamente questões sobre a posse de armas. Defensores de restrições usaram o atentado em Las Vegas, que deixou ao menos 58 mortos e mais de 500 feridos, para ilustrar seus argumentos em prol de regras mais rígidas, enquanto o presidente Donald Trump disse que esse debate "não deve ser travado agora". Ao mesmo tempo, opositores de medidas do tipo dizem que elas violam a 2ª Emenda da Constituição do país, a qual diz que, "sendo necessária à segurança de um Estado livre a existência de uma milícia bem organizada, o direito do povo de possuir e usar armas não poderá ser infringido". Com forte apoio popular, projetos contra o ... Leia Mais »

AFASTAR-SE DE PESSOAS CONFLITIVAS MELHORA A SAÚDE E A ALMA

AFASTAR-SE DE PESSOAS CONFLITIVAS MELHORA A SAÚDE E A ALMA

Sério, afastar-se de conflitos aumenta a nossa saúde física e emocional. Algumas pessoas nos cansam, nos sugam energia e aniquilam nossa capacidade de reação. Elas são verdadeiras destruidoras da nossa saúde e paz interior, adoecem nossa capacidade emocional e distorcem nossas sensibilidades. A verdade é que ao longo do tempo, passamos a desconhecer muitas pessoas que pensávamos conhecer, e percebemos que vivemos sujeitos às suas exigências, sua conversa, seu comportamento e, especialmente, suas emoções tóxicas. Essas pessoas não sabem como respeitar e considerar os outros, e os utilizam como marionetes de seu mau caráter e alvos de conflitos externos e internos. Elas não vivem e deixam viver e, portanto, impedem o desenvolvimento e crescimento pessoal dos que as rodeiam. “Podem ... Leia Mais »

A solidão tem cor

A solidão tem cor

As trajetórias das mulheres negras brasileiras são permeadas pela solidão, conforme denunciam ativistas e intelectuais entrevistadas pela Fórum. Esse fato está intimamente relacionado ao processo de escravidão e às suas consequências, sobretudo aos estereótipos associados a elas no imaginário social Por Anna Beatriz Anjos e Jarid Arraes No último Censo, realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2010, dados sobre a mulher negra brasileira chamaram a atenção. O levantamento apontava que, à época, mais da metade delas – 52,52% – não vivia em união, independentemente do estado civil (veja os dados aqui). O quadro pincelado pelas estatísticas tem cores extremamente vivas para as mulheres negras brasileiras, que, de acordo com inúmeros relatos, sentem na pele os efeitos da solidão ... Leia Mais »

Pai que ajuda é um babaca?

Pai que ajuda é um babaca?

Um dia, depois de meses sem que minhas unhas vissem uma manicure, estava eu lá no salão de beleza. Começaram a falar de uma cliente que tinha reclamado do marido. A cabeleireira dizia: “-Pois ela disse que o marido não ajuda em nada com as crianças. Disse que nem ajudar a dar uma mamadeira ele ajuda! “ Uma moça emenda: “-Meu marido é ótimo, ele me ajuda muito com nossos filhos. Dá banho, comida…até a trocar fralda ele ajuda!!!!” Eu calada. Muda. Sem me mexer rezando pra não me colocarem no assunto. Não adiantou: “-Mari,  seu marido ajuda com os filhos de vocês? “ Eu respondo: “-Não. Homem que “ajuda” a criar filho é um BABACA.” Silêncio geral no salão. Olhares de ... Leia Mais »