segunda-feira , setembro 24 2018
Capa / Negócios

Negócios

CONHEÇA MELISSA HARVILLE-LEBRON: A PRIMEIRA MULHER NEGRA A POSSUIR UMA EQUIPE DA NASCAR

CONHEÇA MELISSA HARVILLE-LEBRON: A PRIMEIRA MULHER NEGRA A POSSUIR UMA EQUIPE DA NASCAR

Melissa Harville-Lebron nunca imaginou que suas atividades empresariais e ambições a levariam a fazer história como a primeira mulher afro-americana a possuir apenas uma equipe de corrida licenciada pela NASCAR. Harville-Lebron, uma mãe solteira de 47 anos que criou seus três filhos biológicos, bem como as quatro crianças de seus irmãos, iniciaram sua carreira na indústria do entretenimento como estagiária na Sony Music. Em 2005, ela lançou seu próprio rótulo de música enquanto trabalhava no escritório do Departamento de Correção de Nova York. Quase uma década depois, ela sofria de um grave ataque de asma que a forçou a se aposentar antecipadamente e a inspirou a correr o risco de lançar uma empresa de entretenimento multifacetada, WM Stone Enterprises Inc., em 2014. ... Leia Mais »

A auto-suficiência do Wakanda das Panteras Negras é inspirar afro-brasileiros a olhar para os seus próprios

A auto-suficiência do Wakanda das Panteras Negras é inspirar afro-brasileiros a olhar para os seus próprios

Os recibos estão em todo o mundo. A Pantera Negra - um filme de super-heróis sobre um país africano nunca colonizado e auto-suficiente - tomou cerca de US $ 1 bilhão em todo o mundo. O Brasil, um país de mais de 100 milhões de negros e castanhos, é um dos cinco melhores mercados internacionais do filme. Afro-brasileiros nas cidades do Brasil organizaram visualizações totalmente negras do filme. Em São Paulo, um grupo do Facebook chamado Intelectualidade Afro-Brasileira organizou uma sessão de filmes privados e as visualizações apresentaram marketing para empresas de propriedade negra em vez de próximos filmes. Conforme relatado por The Intercept , os afro-brasileiros no Rio de Janeiro montaram encontros em shoppings de luxo - espaços normalmente reservados para a elite branca do Brasil - como ... Leia Mais »

DOSSIÊ: “História das Mulheres no Ocidente”

DOSSIÊ: “História das Mulheres no Ocidente”

"História das Mulheres no Ocidente" . ESCREVER UMA HISTÓRIA DAS MULHERES: relato de uma experiência * Michelle Perrot** Escrever uma história das mulheres é um empreendimento relativamente novo e revelador de uma profunda transformação: está vinculado estreitamente à concepção de que as mulheres têm uma história e não são apenas destinadas à reprodução, que elas são agentes históricos e possuem uma historicidade relativa às ações cotidianas, uma historicidade das relações entre os sexos. Escrever tal história significa levá-la a sério, querer superar o espinhoso problema das fontes ("Não se sabe nada das mulheres", diz-se em tom de desculpa). Também significa criticar a própria estrutura de um relato apresentado como universal, nas próprias palavras que o constituem, não somente para explicitar ... Leia Mais »

O FUTURO DO VAREJO É SOB DEMANDA

O FUTURO DO VAREJO É SOB DEMANDA

Mais do que nunca, experiência importa no varejo. E este foi um dos temas mais frequentes durante o Retail’s Big Show, o maior congresso de varejo do mundo, que acontece nesta semana em Nova York, organizado pela NRF (National Retail Federation), a associação de varejo dos Estados Unidos. “Não há dúvidas de que a gente tem visto uma mudança no modo como os consumidores compram e se comportam”, afirmou Linda Kirkpatrick, vice-presidente executiva de desenvolvimento de mercado para os Estados Unidos da MasterCard. Segundo ela, consumidores de todos as faixas etárias estão mais dispostos a gastar mais com experiências do que com coisas e estão mais interessados em varejistas que ofereçam experiências pessoais, customizadas, digitais e sociais. Neste cenário, ganham ... Leia Mais »

Franquias baratas em casa a partir de R$ 4.000

Franquias baratas em casa a partir de R$ 4.000

As franquias baratas em casa já são uma realidade nos Estados Unidos e Europa e agora já são presentes no franchising brasileiro, ganhando cada vez mais espaço. Podendo ser administradas a partir de um home office, essa opções de negócio no segmento de franquias atraem cada vez mais atenção dos novos empreendedores seja pelo baixo custo ou pela ganho na qualidade de vida que podem proporcionar. Existem muitas opções de franquias baratas em casa com investimentos inicias, a partir de R$ 3.900, e rendimentos que podem chegar a R$ 100 mil. São franquias baratas e lucrativas que podem ser geridas de um escritório em casa e por isso mesmo são conhecidas também como franquias Home Based ou franquias domésticas. Como funcionam as franquias em casa de baixo custo O modelo de operação dessas franquias é bem ... Leia Mais »

Como ser um motorista do Uber e faturar alto dirigindo

Como ser um motorista do Uber e faturar alto dirigindo

Atualmente muita gente quer saber como ser um motorista do Uber, uma vez que uso do aplicativo se tornou uma tendência irreversível no Brasil e no mundo. Polêmicas à parte, o fato é que na maioria das cidades brasileiras o Uber já é uma realidade e rapidamente se incorporou às alternativas de transportes urbanos das grandes cidades. Em tempos de crise, muitos profissionais da direção, vem buscando informações sobre como ser um motorista do Uber, já que o processo é bem menos burocrático do que o de conseguir uma licença de táxi junto às prefeituras. O sistema é super fácil de operar e muito ágil, facilidades que fizeram do Uber um sucesso mundial tão grande, ao ponto de já existirem algumas iniciativas no sentido de copiar ... Leia Mais »

Consultoria de RH quer mais negros no mercado de trabalho!!!

Consultoria de RH quer mais negros no mercado de trabalho!!!

Ainda existem empresas que não aceitam negros no quadro de funcionários. Essa é a afirmação de Paulo Lourenço Vieira, sócio-diretor da Proton Consultoria, empresa que presta serviços para o segmento de Recursos Humanos. A Proton recebe currículos online e os envia para os seus cerca de 40 clientes – médias e grandes empresas. “Já aconteceu de um cliente gostar do currículo e rejeitar o candidato por ele ser negro”, afirma Vieira. A situação recorrente fez com que ele e seu sócio, Luiz Cesar Salles Gomes, criassem o Protonegro, um projeto para conscientizar os gestores das companhias a contratar negros. O objetivo do Protonegro também é inseri-los em cargos de maior nível hierárquico. Desde que o projeto foi criado, há dois meses, ... Leia Mais »